Bíblia, o tesouro que contém toda a revelação de Deus.

O Colégio Santa Teresa, como instituição Católica e Scalabriniana, encontra-se imerso na rica tradição da fé cristã. No mês de setembro, especialmente no Brasil, celebramos um período de significativa importância para todos os que seguem os ensinamentos da Igreja: o “Mês da Bíblia”. Esta escolha tem sua base na festa de São Jerônimo, comemorada no dia 30 de setembro.

São Jerônimo, um santo que viveu entre os anos 340 e 420, foi nomeado pelo Papa Dâmaso como responsável por revisar a tradução latina da Sagrada Escritura. O resultado desse incansável esforço foi a criação da Vulgata, uma versão latina da Bíblia, cujo nome em latim, “vulgata”, significa “popular”. Até os dias atuais, a Vulgata permanece como uma referência nas traduções bíblicas.

Durante o Mês da Bíblia, a Igreja nos convida a aprofundar nosso conhecimento da Palavra de Deus, a amá-la cada vez mais e a torná-la parte integrante de nossas vidas através de leituras meditadas e orações diárias. Para o discípulo missionário, o contato com a Palavra de Deus é essencial para estar firmemente enraizado em Cristo e ser capaz de testemunhar Sua presença no mundo atual, que tanto necessita dela. Como afirmou o Documento de Aparecida: “Desconhecer a Escritura é desconhecer Jesus Cristo e renunciar a anunciá-lo. Se queremos ser discípulos e missionários de Jesus Cristo, é indispensável o conhecimento profundo e vivencial da Palavra de Deus. É preciso fundamentar nosso compromisso missionário e toda a nossa vida cristã na rocha da Palavra de Deus” (DA 247).

A Bíblia é um tesouro que contém toda a revelação que Deus quis nos transmitir para nossa salvação. 

Jesus é o ponto central e o coração da Sagrada Escritura. 

Nele, todas as promessas feitas no Antigo Testamento ao povo de Deus se cumpriram. Portanto, ao lermos a Bíblia, é fundamental lembrarmos que Cristo é a culminação da revelação divina. Ele é a Palavra viva de Deus, e todas as palavras das Sagradas Escrituras encontram seu significado definitivo n’Ele, pois é no mistério de Sua Morte e Ressurreição que o plano de Deus Pai para nossa salvação se realiza plenamente.

Com carinho,

Pastoral Escolar.

De agora em diante serei somente filho de Deus, à semelhança daquele Bispo em cujas mãos pronunciei meu voto”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − sete =